Com quem os jacarés convivem? - Jornada "Marginais" cap. #9

Saudações crocodilianas!


Já falamos tanto sobre os jacarés que parece que só existe ele na floresta, não é verdade? Mas não é bem assim! - Agarrem suas canecas de café que hoje é dia de falar sobre quem está no dia-a-dia com nossos amigos jacarés-de-papo-amarelo.


ONDE VIVE O JACARÉ-DE-PAPO-AMARELO?

Conversamos recentemente que os jacarés podem ocupar diferentes habitats alagados ao longo da costa brasileira. Falamos das lagoas, dos manguezais, brejos, pântanos de agua doce. Bem como ambientes onde o ser humano já há muito modifica constantemente, como estações de tratamento de efluentes, reservatórios de usinas hidroelétricas e açudes, por exemplo.


Ao mesmo tempo, nesses ambientes existem diversos outros organismos que coexistem com nossos amigos jacarés, tanto positivamente, quanto negativamente.


Assim, nós podemos assumir que o jacaré, para a manutenção da saúde ambiental, é uma peça fundamental que auxilia no equilíbrio da biodiversidade e chave para os ecossistemas de água doce ao longo da costa do Brasil.


O PAPEL ECOLÓGICO DO JACARÉ

Como vimos anteriormente no "Jornada" #7, o jacaré alimenta de uma grande variedade de presas, e o cardápio muda com o passar do tempo, incluindo tanto invertebrados (aracnídeos, crustáceos, insetos e moluscos), quanto vertebrados (anfíbios, aves, peixes, pequenos mamíferos, serpentes e cágados).