A importância ecológica do jacaré-de-papo-amarelo - Jornada "Marginais" cap. #10

Saudações crocodilianas!


Chegamos ao nosso décimo bate-papo. Quem diria, não é mesmo?


Desde então, viajamos ao passado, fizemos um tour pelo Brasil, ultimamente temos falado das espécies de jacarés que aqui vivem, individualmente nos posts dos "Jacarés do Brasil"


Construímos bastante coisas nesta jornada.


O papo de hoje é fundamental para entendermos por que o jacaré é tão importante, não só para a saúde ambiental, como a nossa também. Claro que quando falamos sobre o meio ambiente, tudo está conectado, então certamente a importância do jacaré-do-papo amarelo já foi abordada, mesmo que resumidamente nos episódios anteriores.

Diariamente nos deparamos com problemas que não fazemos ideia de onde vêm, como por exemplo: infestações de mosquitos, de caramujos, de ratos, doenças que assolaram séculos passados e mataram milhões de pessoas, proliferação de baratas - Principalmente as voadoras.


Ok, mas o que isso tem a ver com os jacarés?


O funcionamento dos ecossistemas é um tema complexo que aterroriza ecólogos há anos. Dentro desses ambientes, cada ser vivo tem sua função que vai aumentando de acordo com sua relação com outros seres, vivos e não vivos.


De uma forma mais clara, podemos dar um exemplo pelo time de futebol, que possui 11 jogadores e cada jogador tem uma função, se algum jogador for expulso, o time ficará desequilibrado. - Menos o time do Flamengo, é claro.

O funcionamento de um ecossistema

Animais interagem com mais de uma espécie, controlam a vida de muitos indivíduos. Como a Anta, que por ser um grande mamífero frugívoro, é considerada como a jardineira das matas, pois semeia árvores por onde passa, transformando o ambiente. O grupo dos carnívoros é um outro exemplo, eles controlam todos os animais da cadeia alimentar abaixo deles.


O jacaré-de-papo-amarelo é um exemplo desses animais acima citados .


Sendo um animal topo de cadeia em ambientes alagados, uma de suas muitas funções é regular a quantidade de indivíduos de outras espécies. Se alimentam principalmente de invertebrados e mamíferos de pequeno e médio porte, contribuindo para o equilíbrio do ambiente.

A ausência de predadores do topo de cadeia acarreta no desequilíbrio ecológico, podendo aumentar o número de outras espécies invasoras que podem gerar doenças. A recuperação de populações de jacarés afetadas pode ser uma solução para esses ambientes degradados, contribuindo no controle de espécies invasoras, entre outros serviços ecossistêmicos.


<<<<< CAPÍTULO ANTERIOR PRÓXIMO CAPÍTULO >>>>>

Em construção

 

Deixamos aqui mais uma palavra de mais um dos autores do "Marginais": Jacarés da Mata Atlântica..

Senhoras e senhores.. Nosso camisa 10, Iago Silva Ornellas!

O Projeto Caiman é uma realização:

- Instituto Marcos Daniel; @imdbrasil


- Projeto Caiman; @projetocaiman


Parceira:

- Instituto Últimos Refúgios; @ultimosrefugios


Apoio:

- Prefeitura de Vitória; @vitoriaonline

- VipRede; @vip.rede


Texto:

- Rhaira Rodrigues Dalla; @rhaiidalla

- Fernando Paulino; @inando.bio


Fotografias:

- Leonardo Merçon; @leonardomercon


Ilustração:

- Fernando Paulino; @inando.bio


Patrocínio:

- ArcelorMittal Tubarão; @arcelormittaltubarao


#natureza #jacare #projetocaiman #jacare #biodiversidade #conservacao #jacaredepapoamarelo #caimanlatirostris