Calor anormal acarreta em frequente aparecimento de Jacarés na Grande Vitória - ES


Esse verão de 2019 fez um calorão, não é?

Mas no final da estação, nos últimos dias de Fevereiro, o calor chegou a uma situação surreal, onde os capixabas de forma geral se sentiam desconfortáveis, inclusive os jacarés!

Os jacarés são animais ectotérmicos, ou seja, sua temperatura corporal varia de acordo com a temperatura ambiente. Portanto, quando está muito quente, há um aumento na atividade metabólica do animal, tornando-os mais ativos e deixando-os mais agitados que o normal.

Nesses dias de extremo calor aqui na Grande Vitória, pôde-se observar esse comportamento claramente com um aumento no número de chamadas para resgate de jacarés pelo Projeto Caiman. O aumento da temperatura leva a um aumento da atividade dos animais e com isso intensifica-se a competição por alimentos e espaço.

Em média, ocorre um ou dois resgates por mês, mas nesse período de aumento de temperatura, o índice subiu para 13 jacarés em 15 dias. Um aumento e tanto, não é?

Devido à fragmentação da Mata Atlântica e ao avanço das cidades sobre o hábitat dos jacarés, se interpondo entre as áreas alagadas, só lhes resta passar pelas ruas e tubulações de drenagem para chegar em novas áreas. Por isso, tem sido comum encontrarmos jacarés nas ruas da Grande Vitória-ES.

#ProjetoCaiman #resgate #jacarésnascidades #jacarés #calor #verão #competição #hábitat #MataAtlântica #Reabilitação

0 visualização

SEGUE A GENTE

ENDEREÇO & CONTATO

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  • Facebook - Instituto Marcos Daniel
  • Instagram - Instituto Marcos Daniel

Av. Eugênio Pachêco de Queirós, s/n

Jardim Camburi | Vitória-ES

CEP 29090-160 | Tel: (27) 3237-2405

Please reload

Facebook

Instagram